Você sabia que as doenças cardiovasculares são as complicações decorrentes do diabetes que mais levam ao óbito?

Ao ser diagnosticado com diabetes, geralmente as preocupações iniciais de um paciente são os problemas relacionados a ingestão de doces e demais alimentos ricos em gordura ou com açúcar em sua composição. É claro que estes são temores relevantes e que devem ser levados em consideração. Porém, existe um outro fator de risco ainda maior envolvendo a doença que não recebe tanta atenção quanto deveria.

O assunto em questão são as doenças cardiovasculares. Elas configuram uma das consequências mais graves causadas pelo diabetes e são as maiores causadoras de óbitos entre pacientes que batalham contra a doença, como, por exemplo, acidente vascular cerebral (AVC), infarto do miocárdio e amputações decorrentes das alterações de glicose no sangue.

80% dos pacientes diagnosticados com diabetes tipo 2 perdem a vida por problemas cardíacos. Por isso, a principal preocupação de um diabético precisa ser com o bom funcionamento do coração.

E estes problemas estão diretamente ligados ao aumento dos níveis de glicose no sangue. Por essa elevação na glicose, sobem as chances de formação de placas de colesterol no organismo, que podem causar o entupimento de artérias.

Este risco, entretanto, pode ser evitado. Para isso, uma alimentação saudável é uma grande aliada, assim como práticas de atividades físicas regulares, deixar para trás o hábito de fumar, fazer exames que ajudam a acompanhar os desdobramentos da doença e utilizar medicações preventivas, desde que prescritas por um médico.

Por se tratar de uma doença crônica, ou seja, que não possui cura definitiva, o diabetes exige disciplina e atenção do médico e, principalmente, do paciente. Com monitoramento constante fica mais difícil o surgimento de novos e inesperados problemas relacionados à doença. Problemas cardiovasculares podem acontecer com qualquer pessoam, porém, é importante que aqueles que sofrem com o diabetes estejam ainda mais atentos.

Se você enfrenta o diabetes, não deixe de procurar um médico caso perceba o surgimento de novos sintomas.

Conheça o CPclin e confira o estudo sobre diabetes com eventos cardíacos que estamos conduzindo nesse momento. Inscreva-se e seja um voluntário!

Deixe um comentário

Scroll Up